|
|
TECARTERAPIA

Tecarterapia

A Clínica Espregueira coloca ao seu dispor a Tecarterapia com equipamento de Última geração Winback Medical.

TECAR (Transferência Elétrica Capacitiva e Resistiva) é um tratamento de ondas diatérmicas, esta onda é um tipo de onda não-invasivo, que provoca um aumento da temperatura dos tecidos pelos quais a corrente incide.
tecarterapia difere das ondas diatérmicas mais vulgarmente utilizadas.

Enquanto as ondas diatérmicas mais conhecidas são o ultrassom (onda mecânica entre 1 e 3 MHz), a onda-curta (onda eletromagnética com frequências entre 2-100MHz) e a micro-onda (também eletromagnética, com frequências entre 915MHz e 2.45GHz), a tecarterapia apresenta uma frequência de onda entre os 300KHz e 1MHz.

As frequências de onda da tecarterapia cria ressonância dos vários tecidos do corpo humano, nas quais a membrana plasmática é permeável, sendo isso que permite a absorção da energia e consequente aumento de temperatura das estruturas envolvidas.

Consoante a finalidade desejada, utilizam-se elétrodos diferentes (CET e RET).

método CET (capacitivo) utiliza um elétrodo isolado (revestido a cerâmica), utilizado de forma móvel pelo fisioterapeuta em contacto direto com o corpo do paciente. Neste modo, o tratamento é direcionado aos tecidos adjacentes ao elétrodo ativo e, principalmente, tecidos com baixa resistência à corrente: pele, músculos, tecido conjuntivo, sistema linfático e circulatório.

método RET (resistivo) utiliza um elétrodo metálico, não isolado, e a mesma placa condutora de metal, sendo que neste método a corrente passa entre estes dois pontos do circuito, tal como os seus efeitos terapêuticos. No método resistivo, é perto dos tecidos com maior resistência – articulações, cartilagens, tendões, ligamentos e tecidos musculares mais profundos – onde irá ser encontrada uma maior concentração energética, possibilitando assim uma ação terapêutica mais profunda, em tecidos inacessíveis com outros tipos de eletroterapia.

Marque já a sua avaliação.